| www.convencaosp.com.br | www.convencaosp.com | www.obrasilparacristosp.com.br | www.obrasilparacristo.com.br |

Ela fez o que Pôde!

Ela fez o que Pôde!

Texto base: Esta fez o que podia, antecipou-se ungir o meu corpo para a sepulturaMarcos 14.8

Esta expressão, Jesus usou referindo-se a Maria, irmã de Lázaro, quando esta por ocasião de Sua visita à casa de Simão, o leproso, quebrou o vaso de alabastro e derramou um perfume importado da índia de nardo, muito caro, em Seus pés e enxugou com seus cabelos.

Acho esta mulher, de uma sensibilidade incrível à presença de Jesus. Na verdade, Ele estava vivendo um momento difícil; estava sendo perseguido pelos religiosos, que tramavam um jeito de prendê-lo, sofria pelas traições e pelos olhares indiferentes à Ele, pois veio para os seus, mas os seus não o receberam.

Alguns andavam atrás d’Ele, apenas pelos milagres que realizava. Eu acredito que tudo isto entristecia Jesus. Quem sabe naquele momento, como ser humano que era, Ele precisava de um reconhecimento, pois Ele mesmo diz a Simão em Lucas 7.44-46: Entrei na tua casa e não me deste água para os pés, não me deste ósculo e não me ungiste. Jesus estava carente de um reconhecimento, de um carinho especial, de uma declaração de amor, de um gesto tipo: Eu te amo, estou aqui e acredito em você!.

A sensibilidade de Maria, fez ela ver o que ninguém estava vendo. Fez ela sentir o que ninguém estava sentindo e fez ela fazer o que ninguém foi capaz de fazer. Enquanto os discípulos valorizavam o nardo, aquela mulher valorizava a Presença de Jesus e para ela o importante era o que Ele estava precisando naquele momento; não era o que ela precisava fazer, nem o que poderia ganhar, ou comprar, mas sim, o que ela poderia oferecer ao seu Mestre.

Fico imaginando a luta interior que travou-se em Maria. Enquanto com o vaso de alabastro na mão, caminhava até onde Jesus estava. Mas, apesar da luta, ela deixou que o sentimento de gratidão, amor e desejo de adoração, falassem mais alto. E com coragem ela entra em cena e vai além de seu limite como ser humano e como mulher.

Como é difícil a caminhada até os pés de Jesus, até o lugar da adoração! Mas, Maria conseguiu! E diferente de todos, ela não foi ali atrás de uma cura, libertação, porta de emprego, de um namorado, enfim, em busca de bênçãos. Não. Ela foi ali, simplesmente para adorá-lo, para ungir o seu corpo para a sepultura. Isto quer dizer que, ela tinha recebido a revelação de que Jesus era o Filho de Deus! E quem tem esta revelação e sentimento de gratidão, faz o que pode.

O interessante é que nos versículos 4 e 5 de Marcos, diz que alguns indignaram-se e bramavam contra ela. Imaginem vocês, um grupo de homens gritando, resmungando, todos ao mesmo tempo, da atitude daquela mulher. É claro que reclamaram aparentemente defendendo uma causa justa, vender o nardo, que valia muito dinheiro e distribuir aos pobres. Isso parece uma boa causa!

Mas o justo mesmo naquele momento, era Jesus ser adorado, Ele merecia, Ele precisava, era o momento d’Ele e a oportunidade dela.

E ai Ele sai em defesa dela e fala mais alto que eles e diz: Deixai-a, por que a molestais? Neste momento, acredito que aconteceu um silencio total. Em outras palavras Jesus estava dizendo: Deixai-a, vocês não imaginam o que esta mulher passou para chegar até aqui!, Ela desejou esta oportunidade, fiquem quietos, calem-se, este é o momento dela comigo.

E Jesus completa dizendo: Em todas as partes do mundo, onde este evangelho for pregado, também o que ela fez será contado para a sua memóriaMarcos 14.9

Maria conseguiu ir além de seu limite humano, conseguiu superar-se, ela venceu tabus, preconceitos, religiosidade, venceu a si mesma e o adorou! Com esta atitude ela marcou a vida de Jesus, ela marcou a história.

Qual tem sido a tua história de adoração, superação e de entrega. Você tem feito o que pode por Jesus?

Se não tem, faça isso agora, você pode ir além de você mesma, se derramar aos pés de Jesus e o adorá-lo!

Lucy Miranda

Lucy Miranda

Serva de Deus, Mora em Recife. casada com o Pastor Marcos Miranda, tem 2 filhos: Marcos e Dani e 3 netos. Autora dos livros "Reciclando a visão do trabalho com a UFEBRAC" e "Segredos de uma Esposa de Pastor".
Lucy Miranda
Lucy Miranda

Últimas Postagens por Lucy Miranda (ver todas)

Lucy Miranda
e-mail: lucygmiranda@gmail.com | Instagram: lucygmiranda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code