Feliz é a Nação cujo Deus é o Senhor

A Relação – José

15 E achou-o um varão, porque ele andava errado pelo campo, e perguntou-lhe o varão, dizendo: Que procuras? 16 E ele disse: Procuro meus irmãos; dize-me, peço-te, onde eles apascentam. 17 E disse aquele varão: Foram-se daqui, porque ouvi-lhes dizer: Vamos a Dotã. José, pois, seguiu seus irmãos e achou-os em Dotã. 18 E viram-no de longe e, antes que chegasse a eles, conspiraram contra ele, para o matarem. 19 E disseram uns aos outros: Eis lá vem o sonhador-mor! 20 Vinde, pois, agora, e matemo-lo, e lancemo-lo numa destas covas, e diremos: Uma besta-fera o comeu; e veremos que será dos seus sonhos. 21 E, ouvindo-o Rúben, livrou-o das suas mãos e disse: Não lhe tiremos a vida. 22 Também lhes disse Rúben: Não derrameis sangue; lançai-o nesta cova que está no deserto e não lanceis mãos nele; para livrá-lo das suas mãos e para torná-lo a seu pai. 23 E aconteceu que, chegando José a seus irmãos, tiraram a José a sua túnica, a túnica de várias cores que trazia. 24 E tomaram-no e lançaram-no na cova; porém a cova estava vazia, não havia água nela. 25 Depois, assentaram-se a comer pão, e levantaram os olhos, e olharam, e eis que uma companhia de ismaelitas vinha de Gileade; e seus camelos traziam especiarias, e bálsamo, e mirra; e iam levar isso ao Egito. 26 Então, Judá disse aos seus irmãos: Que proveito haverá em que matemos a nosso irmão e escondamos a sua morte? 27 Vinde, e vendamo-lo a estes ismaelitas; e não seja nossa mão sobre ele, porque ele é nosso irmão, nossa carne. E seus irmãos obedeceram. 28 Passando, pois, os mercadores midianitas, tiraram, e alçaram a José da cova, e venderam José por vinte moedas de prata aos ismaelitas, os quais levaram José ao Egito  Genesis 37.15-28

Os irmãos de José o odiaram e o venderam como escravo e após muitos anos, ele se tornou governador de todo o Egito e seus irmãos precisaram pedir sua ajuda para não morrerem de fome. José pode ser visto como um símbolo de Cristo.

Em Genesis 41.57 diz que todas as terras, inclusive os irmãos de José procuraram por Zafenate-Paneia, nome dado a José por Faraó, por necessidade. A fome fez com que aqueles homens buscassem ajuda e devemos lembrar sempre que o Senhor permite necessidades e dificuldades em nossas vidas, exemplo: doenças, desemprego, finanças, etc., para que possamos invocá-lo e entender que somos inteiramente dependente Dele.

Em Genesis 42.8 diz que os irmãos de José não o reconheceram, pensavam que ele era um egípcio e que os destruiria. Os seres humanos têm tantos conceitos errados sobre Deus, pensam que Ele não nos ouve, que não nos vê ou não nos compreende, mas, Ele nos conhece profundamente e sente as nossas angústias e necessidades e Ele não pretende nos destruir mas sim nos abençoar.

Em Genesis 42.21 diz que José fez com que eles ficassem angustiados. O Senhor permite a angustia e aflição para que reconheçamos a nossa culpa e nos arrependamos dos nossos pecados. “ 67 Antes de ser afligido, andava errado; mas agora guardo a tua palavra71 Foi- me bom ter sido afligido, para que aprendesse os teus estatutos ” Salmos 119.67,71.

Em Genesis 42.19-20 diz que José fez com que eles fossem e retornassem. Os irmãos de José foram embora, mas José usou de artifícios para que os irmãos tivessem que voltar, além disso, a própria fome os forçariam a retornar. Constantemente saímos do caminho do Senhor, mas Ele nos dá motivos para voltar, mesmo que sejam problemas graves.

Em Genesis 45.1-8 diz que José os perdoou e supriu suas necessidades. José poderia tê-los matado, por vingança, pelo mal que lhe causaram, mas, ele os perdoou, pois os amava. Além de não dar-lhes o castigo merecido, deu-lhes o suprimento que não mereciam, Genesis 44.1.

Em Genesis 45.16-20 diz que José os trouxe para morar junto dele. José providenciou juntamente com Faraó para que seu pai e seus irmãos fossem morar em uma das melhores terras da região do Egito. Desta mesma forma, Jesus virá nos buscar para que possamos morar com Ele em um Excelente lugar, a Eternidade, “ 1 Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. 2 Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito, pois vou preparar-vos lugar. 3 E, se eu for e vos preparar lugar, virei outra vez e vos levarei para mim mesmo, para que, onde eu estiver, estejais vós tambémJoão 14.1-3.

José é um excelente exemplo a seguir. Um homem que venceu as dificuldades, traição, calunia, humilhação, que foram impostas na sua vida por permissão de Deus, mas ele venceu e no momento em que poderia punir aqueles que lhe fizeram mal, ele os amou.

Que possamos ter o mesmo coração de José.

Seja sempre abençoado(a) e compartilhe a Palavra de Deus com um amigo ou amiga.

Alexandre Alves, Servo
Siga-me
Últimos posts por Alexandre Alves, Servo (exibir todos)

Obtenha atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Você pode gostar também

O Portal da Convenção usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Se estiver de acordo com isso, basta aceitar. ACEITO

X